À traição: Nissan com plano secreto para se separar da Renault

16 Janeiro 2020 - Auto Monitor

À traição: Nissan com plano secreto para se separar da Renault

Segundo o diário britânico, que cita fontes próximas do processo, os planos incluem uma divisão total nas áreas de engenharia e produção, bem como mudanças no conselho da Nissan, que tem sido intensificados desde a fuga do ex-líder da Nissan e da Aliança Renault-Nissan-Mitsubishi, Carlos Ghosn, no final de dezembro do ano passado.

Ghosn, de 65 anos, ia ser julgado este ano, mas fugiu para o Líbano para livrar-se da "injustiça e perseguição política" de que diz ser vítima. De acordo com a imprensa japonesa, Ghosn apanhou, no passado dia 29 de dezembro, um comboio entre Tóquio e Osaka, de onde embarcou num avião particular com destino a Istambul, Turquia. No dia seguinte, rumou a Beirute, no Líbano, num outro avião.

As mesmas fontes adiantam que, apesar dos esforços, a relação de quase duas décadas entre a Nissan e a Renault ter-se-á tornado tóxica, com muitos executivos seniores da Nissan a acreditarem que a fabricante de automóveis francesa é um obstáculo para o seu homólogo japonês.

Contactadas pelo FT, quer a Nissan como a Renault recusaram-se a prestar declarações. No entanto, uma separação obrigaria as duas fabricantes a procurar novos parceiros, numa altura em que as vendas automóveis recuam. Também deixaria ambos os negócios menores, depois da fusão entre a Fiat Chrysler e a PSA e a Volkswagen e a Ford.

Nas próximas semanas, Jean-Dominique Senard, presidente da Renault, deverá revelar vários projetos com o objecivo de provar que a Aliança tem futuro: "Não podemos sobreviver se não nos movermos rapidamente para fazer uma verdadeira partilha", afirmou Senard ao FT em Dezembro. Porém, o próprio admitiu que tinha dúvidas de que a parceria pudesse perdurar com a saída de Ghosn no final de 2018.

No seu primeiro discurso público desde que foi detido, em 2018, e fugiu para o Líbano, Ghosn não se poupou nas acusações aos executivos da Nissan. Na sua versão, foi um bode expiatório para os fracos resultados da fabricante automóvel. A administração da Nissan e a justiça japonesa, relata o próprio, quiseram afastá-lo do grupo, numa tentativa de que a Renault reduzisse a sua influência na marca japonesa. "A concertação entre a Nissan e os procuradores está em todo o lado, só o povo japonês é que não quer ver", insistiu na passada quarta-feira, 8 de janeiro.

De seguida, o sucessor de Ghosn na Nissan, Hiroto Saikawa, acusou o ex-magnata dos automóveis de traição e de fugir apenas por medo da condenação, depois de ter sido responsabilizado por Ghosn como um dos responsáveis pela sua detenção no Japão. "A verdadeira razão para ele ter fugido é ter medo de vir a ser declarado culpado", referiu, citado pela Bloomberg.

Notícias Por Etiquetas

A1A2AbarthACAPAcidentealfa romeoAlfa Romeo GiuliaAlfa Romeo TonaleAlgarveAljustrelAmaranteappleArcos de ValdevezAssociação Automóvel de Portugalaston martinauctionaudiAudi A3Audi A4Audi A6Audi e-tronAudi q8Audi R8Audi Rs4Audi Rs6auto industryAutódromo Internacional do AlgarveAzores RallyeBarcelosBarreiroBejabentleybikebikesBMWBMW 1 SeriesBMW 2 SeriesBMW 3 seriesBMW 4 SeriesBMW 8 seriesBMW M3BMW M4BMW m5BMW X3BMW X5BMW x7bmw z4bombeirosBragaBrasilBrazilBrexitBugattibuying guideCabrioCaminhaCampeonato de Portugal de KartingCampeonato de Portugal de RalicrossCampeonato Nacional de Velocidadecar buying guidecar rentCarlos GhosnCarro elétricocarros usadosCarta de conduçãoCascaisCastelo BrancochevroletchinaChryslercitroenCitroen C3classicclassic carclassicsCoimbraconvertiblecoronavirusCrash Testcrash testsCristiano RonaldoCupraCupra Formentorcustom cardaciaDacia DusterDacia Sanderodieseldiesel scandaldieselgatedrag raceDSDucatielectricEMELemissionsEspanhaEspinhoEstacionamentoestradasEUEuropaeuropeevFafeFaroFCAFederação de Motociclismo de PortugalFerrariFiatFiat 500Fiat 500eFiat 500XFiat PandafordFord FiestaFord FocusFord KugaFord Transitformula 1Formula eFranceFrankfurt Motor ShowGenesisGeneva Motor ShowGermanyGNRGondomarGoogleGovernoGuardaGuimarãeshistoryhondaHonda CivicHonda HR-VhybridHyundaiHyundai i20Hyundai Santa FeHyundai TucsonISVitaliaItalyJaguarjeepJeep CompassJeep GladiatorJeep WranglerkiaKia SportageLA Auto ShowLamborghiniLancialand roverLand Rover DefenderLand Rover DiscoveryLeirialexusLisboaLisbonLotusLouléMaçãoMadeiraMaiaMarco de CanavesesMaseratiMatosinhosmatrículasmazdaMazda CX-5Mazda CX-60Mazda MiataMcLarenMercado automóvelmercedesMercedes A-classMercedes S-ClassmetroMGMiguel OliveiraminiMini CooperMini CountrymanMini John Cooper WorksMitsubishiMitsubishi OutlanderMonçãoMontalegreMorganMOTOCROSS E ENDUROmotorcyclemotorsportNew York Auto ShownissanNissan GT-RNissan LeafNissan MicraNissan QashqaiOdemiraoffroadOlhãoOliveira de AzeméisopelOpel AstraOpel CorsaOpel MokkaOvarPalmelaparcómetrosParedesPenafielPeugeotPeugeot 208Peugeot 308Peugeot 5008Peugeot 508Peugeot 508 SWpickuppolicePombalPonta DelgadaPonte de LimaPorschePorsche 911Porsche CayennePorsche MacanPorsche PanameraPorsche TaycanPorsche Taycan Cross TurismoportagensPortimãoPortoPortugalpreçosProdução automóvelPSAPSPradaresRalicrossRamRange RoverRange Rover EvoquerecallrenaultRenault AustralRenault CapturRenault DusterRenault MeganeRenault Zoerent a carreplicarestorationRio MaiorRolls-Roycesafetysafety ratingsSafety testsSamsungSanta Maria da FeiraSantaremSanto TirsoSão João da MadeiraSão MiguelscooterseatSeat CupraSeat LeonSeat TarracoSergio MarchionneSetubalSintraskodasmartSmart ForTwospainspy shotsStellantissubarusupercarssuvsuzukiSuzuki JimnytaxitechnologyteslaTesla Model 3Tokyo Motor ShowtoyotaToyota AygoToyota CorollaToyota HiluxToyota Land Cruisertoyota supraToyota YarisTroféu BetatrucktuninguberukUnited StatesUSAused car buying guideValençaValongovendasVendas de carrosViana do CasteloVieira do MinhoVila do CondeVila Nova de FamalicãoVila Nova de GaiaVila RealVila VerdeViseuvolkswagenVolkswagen GolfVolkswagen ID.4Volkswagen T-RocvolvoVolvo XC40vwVW CaddyVW golfVW PoloVW T-RocYamaha