Em pré-venda em Portugal. Elétrico BYD Dolphin já contabiliza meio milhão

9 months, 2 weeks atrás - 6 Outubro 2023, turbo
Em pré-venda em Portugal. Elétrico BYD Dolphin já contabiliza meio milhão
Já disponível em pré-venda no mercado nacional, a chinesa BYD acaba de produzir a unidade número 500.000 do seu hatchback elétrico Dolphin. Modelo que, recorde-se, em Portugal e na maior parte dos mercados europeus, ainda nem sequer começou a ser entregue.

Lançado no mercado chinês em agosto de 2021, mas com chegada à Europa apenas já em 2023, o BYD Dolphin atinge, assim, um primeiro marco histórico, fruto da elevada aceitação que tem vindo a conhecer nos mercados onde já proposto.

É o caso, por exemplo, da China, onde conseguiu ser o hatchback mais vendido durante 19 meses consecutivos, mas também de outros mercados em continentes distintos, como é o caso do Brasil. Onde, após ter iniciado comercializado em junho deste ano, conseguiu vender, em apenas dois meses, mais de 4.000 unidades.

Já em Portugal, onde, para já, está apenas em pré-venda, com um preço a partir de 29.990€, o Dolphin só deverá começar a ser entregue, aos primeiros clientes, durante o presente mês de outubro.

Elétrico com até 427 km de autonomia
Recorde-se que, na base deste sucesso, está um hatchback 100% elétrico, que tem por base uma plataforma dedicada e desenvolvida pela BYD, especificamente para veículos 100% elétricos, de nome e-Platform 3.0. Neste modelo, conjugada com aquilo que o fabricante designa de Sistema Integrado de Propulsão Elétrica 8 em 1, a garantir melhorias substanciais, tanto em termos de segurança, como de autonomia.

Depois e fruto, também, da utilização da BYD Blade Battery, outras das criações do fabricante automóvel chinês, o Dolphin consegue anunciar não somente uma autonomia de até 427 quilómetros em ciclo combinado WLTP, como também uma potência máxima de 204 cv, garantida por um só motor elétrico, mas que, ainda assim, permite acelerar dos 0 aos 100 km/h em 7 segundos.

Finalmente e a apoiar todos estes números, a promessa de uma garantia de geral de 6 anos ou 150.000 quilómetros.

Apoiamos a Ucrânia