Ciclista gravemente ferido num acidente com carro em Esposende

3 weeks, 4 days atrás - 23 Abril 2024, Jornal de Notícias
Ciclista gravemente ferido num acidente com carro em Esposende
Um homem de 70 anos ficou ferido com gravidade, na manhã desta segunda-feira, após colisão entre uma bicicleta e um automóvel em Gandra, freguesia de Esposende.

O acidente aconteceu perto das 7.30 horas, na avenida São Martinho, quando os dois veículos colidiram em circunstâncias por apurar. 

Ao local acorreram os Bombeiros Voluntários de Esposende e a VMER de Barcelos e, depois de assistir a vítima, transportaram-na para o hospital de Braga. Devido à gravidade dos ferimentos, o médico e enfermeiro tiveram de acompanhar o homem na ambulância, tendo a viatura médica de emergência e reanimação sido conduzida por um operacional dos bombeiros. 

A GNR registou a ocorrência.

Mulher ferida em despiste de carro a caminho do local de trabalho

Uma mulher ficou ferida quando o automóvel que conduzia se despistou, ao princípio da tarde deste domingo, na Póvoa de Lanhoso.

A vítima, com cerca de 30 anos, seguia no sentido da Póvoa de Lanhoso-Amares pela Estrada Nacional 205-4, quando entrou em despiste e embateu no muro de uma quinta, entre as freguesias de Moure e de Águas Santas.

Os Bombeiros da Póvoa de Lanhoso retiraram a vítima do automóvel, em estado de inconsciência. Assistida por pessoal médico e de enfermagem do INEM de Braga, foi transportada com seguimento médico pelos Bombeiros da Póvoa de Lanhoso para o Serviço de Urgência do Hospital Central de Braga.

A automobilista, que se dirigia para o local de trabalho, um supermercado, estava em estado que não inspira grandes cuidados.

O Destacamento de Trânsito do Comando Territorial de Braga da Guarda Nacional Republicana colaborou nas operações e registou a ocorrência.

Ciclista atropelado pelo metro em Rio Tinto fica em estado grave

Um ciclista entre os 40 e os 50 anos ficou ferido com gravidade após ter sido atropelado por uma composição do metro do Porto, perto da estação de Carreira, em Rio Tinto, Gondomar. Foi transportado para o Hospital de Santo António, no Porto.

De acordo com fonte dos Bombeiros Voluntários da Areosa/Rio Tinto, o homem, que seguia de bicicleta, "não terá verificado a passagem do metro" e foi atropelado por uma composição. Terá entre os 40 e os 50 anos.

A vítima foi transportada em estado grave para o Hospital de Santo António, no Porto. Pelas 13 horas deste domingo, a circulação da Linha Laranja (entre Fânzeres, Gondomar, e a Senhora da Hora, em Matosinhos) permanecia interrompida, avançou a Lusa.

O alerta para o acidente foi dado às 12.05 horas e, de acordo com a página da Proteção Civil, foram mobilizados 11 operacionais e cinco viaturas. Duas delas da corporação da Areosa, uma da PSP, uma ambulância do INEM e uma Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER).

Acidente com trator faz um morto em Bragança

Um homem de 80 anos morreu, este domingo, num acidente com um trator agrícola na freguesia de Parada-Faílde, concelho de Bragança.

Segundo o comandante dos Bombeiros Voluntários de Bragança, Carlos Martins, o óbito foi declarado no local do acidente, cujo alerta foi dado pelas 9.53 horas.

O socorro envolveu 12 operacionais do INEM, Bombeiro e GNR, apoiados por cinco viaturas. O helicóptero do INEM também foi acionado, uma vez que o idoso foi encontrado inanimado e sujeito a manobras de reanimação. Ainda assim, não resistiu à gravidade dos ferimentos. 

Quatro feridos em despiste e capotamento na Póvoa de Lanhoso

Um despiste seguido de capotamento fez um ferido grave e três ligeiros, na madrugada deste domingo, na Póvoa de Lanhoso.

As vítimas ficaram encarceradas e as operações de socorro decorreram com complexidade devido à posição do automóvel, que ficou encaixado entre duas moradias. O acidente ocorreu pouco depois da meia-noite, na Estrada Nacional 207-4, perto do Estádio do Sport Clube Maria da Fonte.

No local estiveram três dezenas de operacionais com dez viaturas dos Bombeiros da Póvoa de Lanhoso e uma equipa da Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER).

Os feridos foram transportados para o Serviço de Urgência do Hospital Central de Braga. Na sequência do acidente, o sistema elétrico teve de ser reposto. 

Os Serviços Municipais de Proteção Civil da Póvoa de Lanhoso compareceram, segundo o seu coordenador, Pedro Dias, para avaliar os danos provocados numa habitação e dar o apoio necessário aos lesados da moradia.

Vítima de acidente na Trofa era dona de garrafeira em Santo Tirso

A notícia da tragédia está a gerar uma onda de consternação em Santo Tirso: a mulher que morreu na noite de sexta-feira, na sequência de uma violenta colisão rodoviária na Trofa, era Marta Moreira, uma conhecida empresária tirsense de 43 anos. Deixa três filhas.

Dona da garrafeira Wine House Portugal, em Santo Tirso, Marta Moreira era bastante conhecida na cidade, onde residia com o marido e as três filhas, duas delas gémeas. Morreu cerca das 21 horas de sexta-feira, numa colisão entre o carro que conduzia e outro automóvel, na EN104, na zona de Ervosa, perto da rotunda da A3. Marta ia sozinha e deslocava-se na antiga estrada Santo Tirso-Trofa, na direção da EN104. Ao tentar entrar na Nacional, no entroncamento com sinal de Stop, a viatura em que seguia foi colhida por um automóvel que ia em direção à Trofa.

O carro de Marta acabou por ser arrastado cerca de 40 metros, ficando com a frente e lado do condutor totalmente destruídos, o que a deixou encarcerada. Foi assistida e desencarcerada, mas, apesar dos esforços das equipas de socorro, não resistiu aos graves ferimentos sofridos e morreu no local.

Marta Moreira morava em Tarrio, Santa Cristina do Couto, com as filhas e o marido, que é um dos sócios da Taberna A Clínica, em Areias, também no concelho de Santo Tirso. Além da garrafeira, a mulher trabalhava ainda num lar de idosos em Santa Cristina.

Apoiamos a Ucrânia