Citroën ë-C3. Chegou o hatchback elétrico de segmento B mais acessível do mercado

1 month, 4 weeks atrás - 19 Fevereiro 2024, turbo
Citroën ë-C3
Citroën ë-C3
A Citroën decidiu responder à ofensiva chinesa com o novo ë-C3 que passa a ser o hatchback elétrico de segmento B mais acessível do mercado, estando previsto o lançamento deste modelo no mercado nacional em junho.

A Citroën acaba de apresentar em Portugal o novo ë-C3 que passa a ser o hatchback elétrico de segmento B mais acessível do mercado nacional. Esta nova proposta, que promete ser disruptiva na sua categoria, já registou 620 pré-encomendas online desde a revelação em outubro, e desde 1 de fevereiro, 38 clientes fizeram mesmo uma encomenda.

Segundo o diretor marketing da Citroën Portugal, Hugo Sequeira, aquele volume de pré-encomendas é absolutamente extraordinário, dado que os “clientes nunca viram o ë-C3, apenas online”, levando a marca a depositar grandes esperanças neste modelo e a acreditar que poderá mesmo disputar a liderança do segmento. 

O novo ë-C3 trás tudo aquilo que define o que é a marca Citroën”, sublinhou Nuno Coutinho, diretor geral da Citroën para Portugal e Espanha, acrescentando que será um dos “lançamentos do ano de 2024”.

O novo Citroën ë-C3 é o herdeiro direto do modelo C3, que já registou mais de 5,6 milhões de unidades produzidas desde 2002. O hatchback elétrico da Citroën é o primeiro modelo a utilizar a nova plataforma elétrica da Stellantis, que foi desenvolvida na Europa.

Autonomia de até 320 km
A linha motriz compreende uma nova  bateria LFP (Lítio-Fosfato-Ferro) com 44 kWh de capacidade que  alimenta um motor elétrico com 83 kW (113 cv) de potência. A marca anuncia uma autonomia de até 320 quilómetros. 

O carregador monofásico de 7,4 kW permite carregar totalmente a bateria em 4h10m num wallbox com potência de 7 kW. O ë-C3 também aceita cargas em corrente contínua até 100 kW, sendo possível recuperar entre 20% a 80% do nível de carga em apenas 26 minutos. O cabo de carregamento modo 3 (Wallbox) com seis metros de comprimento é de série. 

O Citroën ë-C3 carateriza-se pelas dimensões compactas com um comprimento exterior de 4,02 metros, uma largura de 1,81 metros e uma altura de 1,52 metros. A bagageira tem uma capacidade de 310 litros. 

O hatchback elétrico de segmento B da marca francesa distingue-se pela face dianteira de nova geração, a nova assinatura da marca Full-LED e as várias opções de personalização, que incluem combinações de cor de carroçaria e tecto (dois tons) e color clips.

A maior altura ao solo proporciona uma posição de condução mais elevada num habitáculo que conta com o inovador painel de bordo C-Zen Lounge, que inclui um novo design do painel de instrumentos e do volante, bancos Citroën Advanced Comfort, entre outros. 

Versão You
A Citroën também aposta na simplificação da gama pelo que estarão disponíveis apenas dois níveis de equipamento, You e Max, com preços a partir de 23 300 euros e 27 800 euros, respetivamente.

A versão de entrada You inclui na dotação de série a suspensão Citroën Advanced Comfort, uma estreia neste segmento, bem como de tecnologias inteligentes para uma condução descontraída, como o novo Citroën Head Up Display e o “My Citroën Play”, com estação para smartphone, que permite conectar esses dispositivos ao veículo. A aplicação e-ROUTES com Connect Plus (planeador de viagem inteligente) e uma tomada USB tipo C no painel (carregamento rápido 3A) também são de série. 

Nos sistemas de apoio à condução incluem-se, também o sistema de travagem de emergência Active Safety Brake, programador de velocidade com limitador, assistência ao arranque em subida, alerta de saída de faixa ativo, reconhecimento de sinais de trânsito, alerta da atenção do condutor, alerta de risco de colisão e seis airbags (frontais, laterais e de cortina). 

Nesta configuração, o novo ë-C3 conta, ainda, com sistema de ar condicionado, regulação elétrica dos vidros da frente e dos retrovisores exteriores, estofos em tecido preto e cinza Chinée, banco traseiro rebatível em monobloco e travão de estacionamento elétrico, faróis LED (com acendimento automático dos médios), luzes diurnas LED, em jantes de aço de 16″ com embelezadores Pyrite (pneus A+ 205/55 R16) e spoiler traseiro. 

Nível de equipamento Max
Passando ao nível de equipamento Max, este acrescenta os bancos Citroën Advanced Comfort, em estofos cinza Metropolitan, volante forrado, vidros elétricos à frente e atrás e o sistema de ar condicionado automático. 

No domínio da informação e comunicação, esta versão oferece um sistema de navegação 3D, em ecrã táctil central de 10,25″ (com BTA), carregamento de smartphone sem fios, Apple CarPlay e Android Auto, câmara de marcha-atrás e três entradas USB Tipo C, uma no tablier e duas para os passageiros traseiros (carregamento rápido 3A), que viajam num banco traseiro 2/3-1/3. 

No exterior, o ë-C3 Max apresenta jantes de liga leve de 17″ Atacamite com acabamento adiamantado (pneus A+ 205/50 R17), barras de tejadilho em preto brilhante, vidros traseiros escurecidos. A dotação de série compreende ainda faróis automáticos inteligentes e as luzes traseiras LED 3D, retrovisores exteriores aquecidos e rebatíveis eletricamente e sensores traseiros de estacionamento. 

As primeiras unidades do Citroën ë-C3 chegam no próximo mês de junho. A oferta deste modelo será reforçada no próximo ano com uma nova versão que terá uma bateria mais pequena com 200 quilómetros de autonomia e um preço de 19 990 euros.

Apoiamos a Ucrânia