VW entra no car-sharing de veículos elétricos em 2019

29 Agosto 2018 - Auto Monitor

VW entra no car-sharing de veículos elétricos em 2019

A Volkswagen vai investir 3,5 mil milhões de euros em negócios digitais até 2025, num plano que inclui o lançamento do serviço de car sharing de carros elétricos “We Share”.

Parte deste investimento será canalizado para a finalização de um sistema operativo denominado "vw.OS", que será introduzido nos modelos elétricos da Volkswagen a partir de 2020.

"Daqui para a frente, os modelos da Volkswagen serão cada vez mais como dispositivos digitais sobre rodas", disse Jürgen Stackmann, administrador da Volkswagen. "Os nossos clientes irão ser parte integrante de um ecossistema que denominamos "We". Este sistema complementa a experiência da Volkswagen sobre rodas e permite que o cliente leve o seu mundo ao seu veículo", comentou Stackmann, acrescentando "que a marca espera que as interfaces abertas também encorajem terceiros a participar na criação de uma sociedade mais dinâmica, contribuindo com o seu próprio software".

Lançado no segundo trimestre de 2019

No âmbito da sua ofensiva digital, a Volkswagen anunciou que lançará um novo serviço de partilha de carros totalmente elétricos, com a marca "We Share". A primeira frota de veículos será lançada na capital alemã, Berlim, e incluirá 1.500 e-Golf quando o serviço começar a operar no segundo trimestre de 2019, a que se juntarão posteriormente 500 e-up!.

Estes veículos serão gradualmente substituídos pelos primeiros modelos da nova família Volkswagen I.D. em 2020. "O serviço "We Share" ajudará à introdução no mercado da nova geração da família I.D. totalmente elétrica. Estes modelos terão um contributo significativo para a ofensiva da mobilidade elétrica da Volkswagen.", adianta.

"Queremos motivar os jovens utilizadores urbanos a envolverem-se com a mobilidade elétrica. Os habitantes de Berlim serão os primeiros a desfrutar da experiência eletrificante que o nosso programa de car sharing denominado "WeShare" oferece.", confirmou Stackmann.

"We Share" será o primeiro serviço no novo ecossistema "Volkswagen We" destinado a não proprietários. Jürgen Stackmann acrescentou: "Devido à dimensão e densidade populacional, Berlim é o mercado ideal e tem o maior potencial. Muitas pessoas que já testaram a partilha de carros vivem nesta metrópole - e os números continuam em crescendo", avança Stackmann.

O serviço será, depois, expandido a toda a Europa bem como a cidades selecionadas nos Estados Unidos da América e no Canadá, sendo que o critério de seleção dá prioridade a cidades com mais de um milhão de habitantes.

Partilha de carros baseada em apps

A Volkswagen  também pretende chamar a atenção para os benefícios da mobilidade elétrica e estimular o interesse pela tecnologia com a frota de veículos disponível para 2000 pessoas". Ainda de acordo com

O serviço "We Share" leva para a estrada o conceito que é conhecido como car sharing, garantindo a disponibilidade de veículos elétricos para os clientes a qualquer momento. Numa etapa posterior, o serviço "We Share" será ampliado a veículos mais pequenos, como soluções de micromobilidade elétrica.

Philipp Reth, CEO da UMI Urban Mobility International, start-up subsidiária da Volkswagen com sede em Berlim, será o responsável máximo pelas operações de partilha de carros: "As perspetivas para o mercado da mobilidade partilhada são muito boas. As previsões mais conservadoras para a Europa preveem um crescimento anual de 15%.

Continuaremos a desenvolver esse mercado e tornar mais acessível essa forma de mobilidade a um conjunto de utilizadores ainda mais amplo".

 

Venda o Seu Carro