Novo Honda CR-V de 2023

9 months, 1 week atrás - 13 Outubro 2023, autonews
Novo Honda CR-V de 2023
A sexta geração do Honda CR-V, o modelo mais vendido da empresa a nível mundial, estreia-se com uma aparência mais arrojada e confiante e com níveis excecionais de praticidade, segurança, conetividade e conforto.

O popular SUV do segmento C será oferecido com a opção de uma unidade de tração totalmente híbrida (e:HEV) ou, pela primeira vez num Honda europeu, uma opção híbrida plug-in (e:PHEV), proporcionando um desempenho dinâmico e eficiência em toda a gama. Esta linha alargada de grupos motopropulsores representa a abordagem multipista da Honda à eletrificação e oferece aos clientes uma vasta gama de produtos. 

O já conhecido grupo motopropulsor e:HEV foi revisto e atualizado para o novo CR-V, apresentando agora uma bateria de menor dimensão e mais densa em termos energéticos e um motor mais eficiente, enquanto o novíssimo e:PHEV, com a sua bateria de maiores dimensões, oferece até 82 km de autonomia totalmente elétrica.

Os engenheiros aperfeiçoaram todos os aspetos do modelo mais recente, concentrando-se nos valores avançados e desportivos da marca Honda, com o objetivo de criar o derradeiro SUV versátil. A maior sofisticação das ajudas à condução, a segurança ativa e as tecnologias conectadas, bem como a aplicação de materiais de alta qualidade em todo o habitáculo, contribuem para elevar a proposta do veículo.

Foram alcançados níveis de segurança ativa líderes no segmento graças à primeira aplicação europeia do Honda SENSING 360, o sistema abrangente de segurança omnidirecional e de assistência ao condutor da empresa, que elimina os ângulos mortos à volta do veículo e contribui para evitar colisões.   

O novo CR-V mantém a sua silhueta familiar, mas com uma evolução do design que aumenta a sua presença na estrada. Isto começa com um estilo mais agressivo e definido na frente, com uma grande abertura e uma grelha estilizada, onde as variantes e:HEV e e:PHEV se distinguem pelos seus próprios designs.

Na traseira, a combinação vertical de luzes de travão e indicadores de mudança de direção é uma evolução inteligente do design instantaneamente reconhecível dos faróis traseiros do modelo, com a iluminação LED propositada a criar uma nova e evoluída assinatura luminosa na traseira do veículo.

Agora com uma distância entre eixos mais longa e uma postura mais larga, o CR-V oferece um espaço comparável ao de um SUV do segmento D. Para além de proporcionar aos passageiros dos bancos traseiros o melhor espaço para as pernas da sua classe, as maiores proporções do modelo também criam mais espaço para a bagageira e aumentam a estabilidade a velocidades mais elevadas.

Combinação perfeita de desempenho de condução potente e eficiência de combustível

A Honda apresenta o seu primeiro grupo motopropulsor híbrido plug-in na região europeia - o e:PHEV - no novíssimo CR-V, oferecendo 82 km de autonomia totalmente eléctrica. Juntamente com o modelo híbrido e:HEV atualizado, os clientes podem esperar uma experiência de condução estimulante com um desempenho ambiental muito melhorado, uma potência de resposta rápida e um ruído de habitáculo reduzido.

Ambas as opções são construídas em torno do mesmo motor a gasolina de ciclo Atkinson de 2,0 litros e quatro cilindros com injeção direta, que foi revisto para a sua aplicação no SUV topo de gama.

As melhorias incluem um sistema de combustível de injeção direta multiestágio de alta pressão, enquanto um catalisador de alto desempenho e ativação a baixa temperatura melhora o desempenho ambiental. A área da superfície da porta de escape também foi alargada para melhorar ainda mais a potência, enquanto que uma cobertura do motor totalmente em poliuretano, o isolamento do ruído e das vibrações e o aumento da rigidez da cambota contribuem para melhorar ainda mais o requinte do interior.

e:HEV

O modelo e:HEV apresentará a mais avançada iteração do premiado grupo motopropulsor totalmente híbrido da Honda, com o motor a gasolina a emparelhar-se perfeitamente com uma versão recém-desenvolvida da transmissão automática leve de duplo motor elétrico da empresa.

Esta última iteração aloja o motor de propulsão e o gerador num eixo separado para permitir um aumento de 6,5% no binário, para 335 Nm, sem aumentar o espaço de design. A velocidade máxima do motor do primeiro também foi aumentada em 1.500 rpm para 14.500 rpm, resultando numa velocidade máxima 7% superior.

Outras revisões à transmissão incluem a adição de uma segunda relação de transmissão quando o motor está diretamente ligado às rodas. À relação alta existente junta-se uma nova relação baixa - ambas foram otimizadas para a mais ampla gama de cenários de condução possíveis, aumentando a força de tração a baixas velocidades no modo de tração do motor e a frequência de condução neste eficiente modo de tração direta.

A completar as revisões do grupo motopropulsor híbrido está a inclusão de uma Unidade de Controlo de Potência (PCU) e de uma Unidade de Potência Inteligente (IPU) mais compactas. Ambas foram reduzidas e revistas para manter uma densidade de energia e eficiência semelhantes, ao mesmo tempo que reduzem o peso total e as dimensões físicas.

O aumento de potência em comparação com o CR-V anterior traduz-se numa sensação de aceleração mais segura e numa maior capacidade de resposta, com uma aceleração dos 0 aos 100 km/h em 9,4 segundos, antes de atingir uma velocidade máxima de 187 km/h.

Apesar dos ganhos em termos de desempenho, o sistema e:HEV também oferece níveis mais elevados de eficiência e uma redução das emissões com um CO2 combinado tão baixo quanto 151g/KM e 6,7l/100km (42,2mpg).

e:PHEV

Partindo da base comprovada do grupo motopropulsor e:HEV da Honda, o e:PHEV plug-in apresenta uma bateria significativamente maior, de 17,7 kWh, e um carregador elétrico de bordo leve e de elevado rendimento. Esta maior assistência eléctrica significa que a velocidade do motor pode ser mantida muito mais baixa do que anteriormente, melhorando ainda mais os níveis de ruído, o refinamento e a eficiência de combustível a uma variedade de velocidades. Também permite uma autonomia de 81 em modo elétrico.

A maior assistência eléctrica oferecida pelo sistema híbrido plug-in significa que os valores de eficiência e consumo são de apenas 18g/km e 0,8l/100km (353,1mpg) com uma bateria totalmente carregada. Quando a bateria estiver completamente descarregada, estes valores apenas aumentarão marginalmente, uma vez que o veículo se transforma num híbrido tradicional.

O acondicionamento inteligente dos componentes eléctricos e a montagem da bateria sob o piso permitiram uma capacidade de bagageira de 587L. Isto foi possível graças à otimização do tamanho dos componentes de arrefecimento da unidade, o que permitiu reduzir as suas dimensões físicas, enquanto a utilização extensiva de alumínio na sua caixa e construção também permitiu reduzir o peso da unidade, apesar do aumento da densidade energética.  

A porta de carregamento está localizada no guarda-lamas dianteiro esquerdo e é aberta premindo a tampa da porta de carregamento. Para o e:PHEV, o controlo de carregamento em conjunto com o aquecedor de bateria permite lidar melhor com ambientes mais frios e também melhora significativamente a capacidade de recuperação a temperaturas mais baixas. Quando a temperatura da bateria é de 25 graus, o mais recente CR-V atinge um estado de carga de 100% em apenas 2,5 horas, graças à potência do carregador de 6,8 kW.

Como parte dos serviços ligados oferecidos no e:PHEV, os utilizadores podem selecionar uma gama de funções de pré-condicionamento e climatização durante o carregamento para melhorar ainda mais a eficiência, reduzir os custos e aumentar o conforto em todas as condições meteorológicas. Estas funções incluem um temporizador, bem como definições de temperatura e tempo de funcionamento, o que significa que os proprietários do CR-V podem programar o carregamento para as horas mais baratas e mais convenientes e ajustar automaticamente o automóvel para a temperatura desejada antes de saírem de casa para o carro.

Novas ajudas ao conforto do condutor e funcionalidade

O novíssimo CR-V foi concebido para alcançar um desempenho de segurança líder na indústria e é o primeiro veículo europeu a apresentar o mais avançado conjunto de Tecnologias Avançadas de Assistência ao Condutor (ADAS) da Honda - Honda SENSING 360.

As funções avançadas de assistência ao condutor e de prevenção de acidentes aliviam o peso da condução e, quando associadas a uma carroçaria mais robusta, oferecem um desempenho de segurança ativa líder na indústria e uma proteção excecional em caso de acidente.

Honda SENSING 360

O Honda SENSING 360 inclui uma câmara de 100° virada para a frente, um radar de ondas milimétricas e quatro radares de canto para oferecer uma visão completa de 360° em redor do veículo. O reconhecimento de objetos por imagem, através da câmara frontal atualizada do CR-V, e a deteção de objetos por radar, permite ao veículo identificar as linhas da estrada, bermas, motociclos, ciclistas e outros veículos.

Assistência útil no dia a dia

A instalação do Honda SENSING 360 permite uma gama de características novas e atualizadas que proporcionam um nível extra de segurança e conveniência para o condutor.

Incluído pela primeira vez em qualquer modelo Honda está o Aviso de Tráfego Cruzado Frontal, que reduz as colisões frontais em cruzamentos com fraca visibilidade. O sistema informa o condutor dos veículos à esquerda ou à direita quando se desloca após uma paragem e a baixa velocidade.

Um avançado Sistema de Reconhecimento de Sinais de Trânsito deteta e reconhece os sinais de trânsito e apresenta-os no painel de instrumentos atrás do volante, bem como no Heads-Up Display, trabalhando em conjunto com o Cruise Control Adaptativo (ACC) para oferecer um ajuste de velocidade com um toque para limites de velocidade específicos. Pela primeira vez na Europa, o sistema também fornece uma pré-notificação de sinais, como um sinal de "stop" que se aproxima, para informar o condutor o mais rapidamente possível e ajudá-lo a preparar-se para os cruzamentos.

O ACC foi atualizado e funciona agora com os sinais de mudança de direção para iniciar a aceleração em caso de ultrapassagem, facilitando o processo para os condutores. O sistema também oferece a funcionalidade de seguimento a baixa velocidade, ajuste da velocidade em curva em função da curvatura e inclinação da estrada, permitindo ao CR-V manter uma velocidade constante nas descidas.

A Mitigação da Colisão na Mudança de Faixa auxilia a operação da direção durante a mudança de faixa para evitar uma colisão com um veículo que se aproxime por trás e na faixa seguinte, notificando o condutor com um som de aviso.

O Sistema de Travagem com Mitigação de Colisão ajuda a parar o automóvel se determinar que é inevitável uma colisão com um veículo detetado à frente. Neste caso, também emitirá um som de aviso e, se necessário, o travão será automaticamente acionado.

Também estreado no CR-V está o Traffic Jam Assist. Este sistema reduz a carga de trabalho do condutor no trânsito congestionado a baixa velocidade, ajudando a manter o veículo na sua faixa de rodagem, a partir dos 0 km/h. Quando o congestionamento desaparece, o automóvel passa a utilizar o Sistema de Assistência à Manutenção na Faixa de Rodagem.

Para reduzir ainda mais a carga sobre o condutor, o sistema de Assistência Ativa à Mudança de Faixa foi incluído pela primeira vez no CR-V, o qual auxilia a operação de direção ao mudar de faixa e é acionado pela utilização do sinal de mudança de direção. Assim que o condutor mantém premido o sinal de mudança de direção com um toque, o sistema de radar assegura que a faixa seguinte está livre antes de o veículo avançar.

Outra nova funcionalidade do CR-V é o Piloto de Estacionamento, que proporciona um apoio adicional ao condutor, monitorizando os lugares de estacionamento e destacando nos ecrãs de informação e lazer uma posição adequada para iniciar o estacionamento assistido. Os condutores podem simplesmente selecionar o local a estacionar e os sensores de câmara e sonar detetam as condições circundantes para controlar automaticamente as operações de acelerador, travão, direção e mudança de velocidades para estacionar e sair do veículo. Pode ser ativado em três passos simples com um interrutor dedicado e um toque no ecrã e, em seguida, o automóvel pode ser estacionado verificando a segurança das imediações, reduzindo significativamente as preocupações de estacionamento num SUV de grandes dimensões.

Interior de qualidade superior e espaço líder na sua classe

O design interior de alta qualidade cria uma experiência premium para os ocupantes. O habitáculo do novo CR-V é composto por materiais texturizados de elevada qualidade, com interruptores e controlos tácteis fáceis de compreender e utilizar, criando uma experiência luxuosa no interior do veículo, em linha com os SUV do segmento premium.

Na parte dianteira, o painel de instrumentos é limpo, organizado e baixo, com uma saída de ar a toda a largura, um ecrã de infoentretenimento de 9,0" montado no centro e um grande mostrador digital de 10,2" atrás do volante - tudo isto disposto de forma a facilitar a visibilidade para o exterior.

Cores, materiais e tecidos

Os modelos e:PHEV e e:HEV distinguem-se pelas suas características de estilo individuais, com o primeiro a receber um padrão exclusivo de metal em forma de favo de mel no painel de instrumentos central, incluindo a saída de ar, para um acabamento mais premium e desportivo.

A Honda adotou uma abordagem unificada para as cores do interior, com cores em tons de preto utilizadas no painel de instrumentos e em todo o interior para um acabamento premium. Os bancos também têm acabamentos em pele genuína preta fina de série, com detalhes acolchoados arrojados para um toque unificado e premium.

Os bancos dianteiros aquecidos são disponibilizados de série e são ventilados na versão Advance, melhorando o conforto em viagens longas.

Este é o primeiro CR-V a adotar o Assento Estabilizador da Carroçaria da Honda para os ocupantes dianteiros, que incorpora uma estrutura plana de resina para apoiar toda a parte inferior do corpo do ocupante, desde a pélvis até à coluna lombar, para uma maior estabilização e apoio. Isto também melhora a posição do ponto da anca, facilitando a entrada e saída do automóvel.

Na traseira, o CR-V alcança a amplitude de um SUV do segmento D com o melhor espaço para as pernas traseiras da sua classe - mais 16 mm do que no modelo anterior - enquanto a reclinação do banco traseiro aumentou 10,5° em relação ao CR-V anterior, com 8 opções selecionáveis.

A disposição intuitiva do interior dá prioridade à versatilidade, incluindo o porta-copos, os tabuleiros de arrumação e o compartimento de grande capacidade entre os bancos dianteiros. Um seletor de velocidades elétrico, elegante e ergonómico, com interruptores de modo otimizados para facilitar a operação, assegura que o condutor pode aceder facilmente a todas as funções importantes enquanto se desloca, enquanto um apoio de braço central de novo design é agora semi-automatizado, abrindo 60 graus automaticamente e mais 30 graus manualmente.

Novos níveis de praticidade para se adaptar a uma gama de estilos de vida ativos 

Elevando a fasquia em termos de praticidade do espaço de carga e funcionalidade interior, o mais recente CR-V apoia estilos de vida ativos. Este facto é caracterizado por um dos maiores espaços de carga traseiros da classe, com os modelos e:HEV a oferecerem 587 litros de espaço de carga.

Os bancos traseiros deslizam para a frente até 190 mm, o que permite o fácil carregamento de objetos mais compridos sem necessidade de rebater os bancos, enquanto a baixa altura do piso da bagageira e o painel de piso plano e largo de uma só peça facilitam o carregamento da carga.

Isto é auxiliado pela porta traseira atualizadas, que foi desenvolvida com um novo módulo de elevação eléctrica mais silencioso que reduz o tempo de funcionamento. A operação mãos-livres também é possível, com o fecho automático e o bloqueio opcional do veículo ao fechar.

Experiência de condução dinâmica com maior conforto e requinte

Ao desenvolver o chassis do novo CR-V e:HEV e e:PHEV, o objetivo era proporcionar uma maior sensação de segurança e conforto a todos os ocupantes. Esta experiência de condução mais dinâmica é o resultado da revisão dos componentes da direção e da suspensão, reduzindo a subviragem e proporcionando uma maior sensação de controlo ao volante.

Maior rigidez

A introdução de materiais mais leves e mais resistentes na nova plataforma do CR-V melhorou a rigidez da carroçaria, enquanto a maior rigidez resulta da aplicação de elementos de reforço no pilar B e na base do pilar C para aumentar a rigidez em torno das aberturas da carroçaria. Os adesivos estruturais, tal como utilizados noutros modelos Honda recentes, como o HR-V e o Civic, fazem a sua estreia no CR-V, otimizando ainda mais os níveis de rigidez global.

Na dianteira, foi implementada uma nova subestrutura em alumínio fundido, que permite poupar mais de cinco quilos em relação ao modelo anterior. A mudança para um material fundido não só poupou peso, como também ajuda a manter a rigidez da geometria da suspensão, assegurando uma área de contacto constante para os pneus.

Isto é complementado por um novo subquadro traseiro de elevada rigidez, com dois novos reforços adicionados às secções da caixa aberta para suprimir qualquer forma de deformação e assegurar um nível uniforme e linear de contacto com os pneus na traseira. Os suportes traseiros também foram melhorados, com um aumento de 15% na sua taxa de mola.

A Honda prestou grande atenção à melhoria do conforto do condutor e à criação de uma sensação de direção segura, particularmente a velocidades elevadas. Um exemplo disso é a nova unidade de controlo da direção, que inclui um controlo optimizador da assistência à direção. Este contribui para uma sensação de segurança a velocidades mais elevadas e proporciona uma sensação de leveza e agilidade a velocidades mais baixas, para reações mais instantâneas aos comandos do condutor, fazendo com que o CR-V se sinta mais como uma berlina ao volante.

Controlo dos amortecedores

O CR-V foi concebido na perfeição para lidar com pisos irregulares e terrenos acidentados, graças a uma condução mais plana que evita movimentos desnecessários em grandes ondulações. O e:HEV foi conseguido através de amortecedores reativos de amplitude que tornam a força de amortecimento mais dura ou mais suave com base nas frequências de vibração das condições da estrada.

O modelo e:PHEV recebe um sistema de amortecimento totalmente adaptativo que reage a uma série de dados dos sensores do veículo, incluindo a velocidade das rodas, a força g lateral e longitudinal e a velocidade de guinada. O sistema oferece elevados níveis de estabilidade e conforto de condução no modo Normal, enquanto o modo Sport aumenta a força de amortecimento, alarga a gama de funcionamento e proporciona uma condução mais apertada e controlada para uma condução dinâmica.

Tração integral

Para aumentar ainda mais a sensação de segurança, a variante e:HEV do CR-V está também disponível com um sistema de tração integral evoluído, que inclui um sistema de controlo totalmente novo para distribuir ativamente a força de condução. O sistema AWD do CR-V anterior era desengatado a velocidades mais elevadas em autoestrada para reduzir as perdas na transmissão e melhorar a eficiência global, mas o modelo mais recente mantém ativamente o controlo do eixo traseiro para aumentar a aderência em estradas rápidas, onduladas e com muitas curvas - em todas as condições.

Modos de condução e assistência eléctrica

O mais recente CR-V oferece os modos de condução Normal, Sport e Econ, enquanto o e:PHEV também inclui as opções EV e Advanced Eco-assist. Existe também um novo modo Snow para este modelo, que reduz a resposta tradicional do acelerador para minimizar a patinagem das rodas e maximizar a aderência em condições escorregadias.

Além disso, o desempenho de reboque foi muito melhorado com a adição de um bloqueio de baixa relação e do novo modo de condução Tow. Isto permite à variante e:PHEV puxar até 1500 kg (com travão) e à e:HEV até 750 kg, aumentando consideravelmente a flexibilidade e a capacidade de utilização do veículo. O modo de reboque mantém as rotações do motor baixas com uma embraiagem de bloqueio de baixa relação de transmissão e assistência da bateria ao rebocar em subidas, enquanto o Controlo de Descida de Colinas permite uma desaceleração segura utilizando apenas o pedal do acelerador.

O e:PHEV também dispõe de um mecanismo de clique no pedal do acelerador para fornecer feedback ao condutor quando este atinge o limite da aceleração exclusivamente eléctrica. Quando o condutor ultrapassa este limite e necessita de mais velocidade, o motor arranca sem problemas para gerar o máximo de energia eléctrica para uma aceleração potente. Em alternativa, os condutores podem utilizar este mecanismo de clique como um sinal para abrandar a velocidade e permanecer com a energia eléctrica.

Apoiamos a Ucrânia