Mercado automóvel em Portugal ‘abre’ ano a crescer 7,9%

2 months, 3 weeks atrás - 3 Fevereiro 2024, motor24
Mercado automóvel em Portugal ‘abre’ ano a crescer 7,9%
O mercado automóvel em Portugal ‘abriu’ o ano de 2024 com uma tendência de crescimento.

Em janeiro, matricularam-se 18.826 veículos automóveis, de acordo com a Associação Automóvel de Portugal (ACAP), ou seja, mais 7,9% face a igual mês de 2023. Os elétricos (BEV) totalizaram 15,8% dos veículos ligeiros de passageiros novos matriculados no primeiro mês do ano.Após um ano que foi positivo para o mercado nacional, 2024 começa na mesma toada, com um ganho de 7,9% no cômputo total do mercado, com uma forte tendência de vendas no que toca aos automóveis de energias alternativas, sobretudo, para o caso dos veículos eletrificados.

Com efeito, no mercado de ligeiros de passageiros registaram-se, em janeiro, 15.737 veículos, ou seja, mais 7,5% do que em igual período de 2023, com a particularidade de 52,9% desse valor ser já correspondente a modelos de energias alternativas aos combustíveis fósseis. O destaque vai para os elétricos, que representaram 15,8% das vendas de ligeiros de passageiros. Os híbridos representaram 16,3% e os híbridos Plug-in 13,8%. Já o gasóleo teve apenas um volume de 9,9%, ficando patente a sua perda de influência no mercado de ligeiros de passageiros.

No mercado de ligeiros de mercadorias, houve um aumento de 8,1% face ao mês homólogo do ano de 2023, situando-se em 2363 unidades matriculadas. Por fim, no mercado de veículos pesados, o qual engloba os tipos de passageiros e de mercadorias, em janeiro de 2024 verificou-se um aumento de 15,2% em relação ao mês homólogo do ano anterior, tendo sido comercializados 726 veículos desta categoria.

Por marcas, o ano não começa com grandes novidades na liderança, já que a Peugeot ‘entra’ em força, ao matricular 2086 ligeiros de passageiros, mais 56,5% do que no mesmo mês do ano passado, para uma quota de mercado de 13,26%, com a Dacia a ser a segunda melhor, com 1297 ligeiros de passageiros matriculados, também com um crescimento de 17,6% face a janeiro de 2023.

Seguem-se a Mercedes-Benz, com 1189 ligeiros de passageiros registados, mais 14%, e a Toyota, que matriculou 1075 veículos, também aumentando 24,7% face ao período homólogo de 2023.

Apoiamos a Ucrânia