SEAT aposta na tecnologia blockchain

20 Dezembro 2018 - Auto Monitor

SEAT aposta na tecnologia blockchain

A SEAT juntou-se à rede Alastria, o primeiro consórcio multissetorial semipúblico que pretende criar um espaço de cooperação digital baseado numa rede independente e neutra e onde se desenvolvem serviços e produtos baseados na tecnologia blockchain.

Com este novo passo, que faz da SEAT o primeiro fabricante de automóveis a unir-se a esta rede pioneira com mais de 70 grandes empresas e instituições, a empresa espera encontrar, testar e progredir no desenvolvimento da tecnologia blockchain, aflorando sinergias com outras companhias participantes.

A tecnologia blockchain, nascida em 2009, representa uma evolução ao nível das comunicações em rede tal como a conhecemos atualmente. A facilidade de acesso à informação, cada vez mais instantânea, resulta por vezes na falta de fiabilidade dos dados, na escassez de segurança e na verificação insuficiente dos dados respetivos às entidades que intervêm nos processos de comunicação através de fornecedores externos. Neste sentido, esta tecnologia nasce com o objetivo de transformar a indústria gerando a troca de bens e serviços sem a intervenção de terceiros, melhorando assim a segurança dos procedimentos.

Luca de Meo, presidente da SEAT, sublinhou que "fazer parte da rede Alastria abre-nos novas possibilidades no desenvolvimento de possibilidades para desenvolver serviços e produtos com total confiança e segurança". Além disso, de Meo acrescentou que "somos a primeira marca de automóveis a integrar esta rede que engloba as maiores empresas do país. Estamos convencidos da relevância que a tecnologia blockchain terá no futuro, e por isso queremos estar presentes desde o início".

Tecnologia em áreas estratégicas

A incorporação da SEAT na rede Alastria tem como objetivo que diversas divisões específicas da empresa possam ter um primeiro contacto com a tecnologia blockchain e conhecer as possíveis vantagens que este conhecimento pode comportar em diferentes áreas.

Especificamente, a produção será o primeiro departamento a reforçar o desenvolvimento desta tecnologia, como o principal objetivo de estudar os possíveis avanços em matéria da Indústria 4.0. Outra das áreas nas quais a SEAT quer trabalhar soluções blockchain é a das finanças, onde pretende testar novas iniciativas que melhorem os processos habituais.

Experiência blockchain na SEAT

A associação da SEAT à rede Alastria é uma nova aproximação da empresa a esta tecnologia. Nesse sentido, a empresa já deu os primeiros passos na aplicação do blockchain nos seus processos. Por exemplo, em colaboração com a Telefónica, a empresa está a trabalhar numa prova experimental baseada no blockchain para melhorar o seguimento das peças dentro da cadeia de abastecimento da fábrica de Martorell.

A SEAT, como a empresa industrial que mais investe na investigação e desenvolvimento em Espanha, está a adaptar os seus processos de transformação digital que está a atravessar a indústria automóvel. A companhia está a desenvolver e a aplicar ferramentas e soluções digitais destinadas à produção de automóveis que permitem ser mais eficientes e flexíveis, ágeis e digitais.

Notícias Por Etiquetas

A1A2ACAPAcidentealfa romeoAlfa Romeo GiuliaAlgarveAljustrelAmaranteappleArcos de Valdevezaston martinauctionaudiAudi A3Audi A6Audi e-tronAudi q8Audi Rs4Audi Rs6BarreiroBejabentleybikebikesBMWBMW 2 SeriesBMW 4 SeriesBMW 8 seriesBMW M3BMW M4BMW m5BMW X3BMW X5BMW x7bmw z4bombeirosBragaBrasilBrazilBrexitBugattibuying guideCabrioCaminhaCampeonato Nacional de Velocidadecar rentCarlos GhosnCarro elétricocarros usadosCarta de conduçãoCascaisCastelo BrancochinaChryslercitroenclassicclassic carclassicsCoimbraconvertiblecoronavirusCrash Testcrash testsCristiano RonaldoCupraCupra Formentorcustom cardaciaDacia DusterDacia Sanderodieseldiesel scandaldieselgatedrag raceDucatielectricEMELemissionsEspanhaEspinhoEstacionamentoestradasEUEuropaeuropeevFafeFaroFCAFederação de Motociclismo de PortugalFerrariFiatFiat 500Fiat 500eFiat 500XFiat PandafordFord FiestaFord Focusformula 1FranceFrankfurt Motor ShowGenesisGeneva Motor ShowGermanyGNRGondomarGoogleGovernoGuimarãeshondaHonda CivichybridHyundaiHyundai TucsonISVitaliaItalyJaguarjeepJeep CompassJeep GladiatorJeep WranglerkiaLA Auto ShowLamborghiniLancialand roverLand Rover DefenderLand Rover DiscoveryLeirialexusLisboaLisbonLotusLouléMaçãoMadeiraMaiaMarco de CanavesesMatosinhosmatrículasmazdaMazda CX-5Mazda MiataMcLarenMercado automóvelmercedesMercedes A-classMercedes S-ClassmetrominiMini CooperMini CountrymanMini John Cooper WorksMitsubishiMitsubishi OutlanderMorganMOTOCROSS E ENDUROmotorcyclemotorsportNew York Auto ShownissanNissan LeafNissan QashqaiOlhãoopelOpel CorsaOpel MokkaOvarPalmelaparcómetrosParedesPenafielPeugeotPeugeot 208Peugeot 508Peugeot 508 SWpickuppolicePonte de LimaPorschePorsche 911Porsche CayennePorsche MacanPorsche TaycanportagensPortoPortugalProdução automóvelPSAPSPradaresRalicrossRamRange RoverrecallrenaultRenault CapturRenault DusterRenault MeganeRenault Zoerent a carrestorationsafetysafety ratingsSafety testsSamsungSanta Maria da FeiraSantaremseatSeat CupraSeat LeonSeat TarracoSergio MarchionneSetubalSintraskodasmartSmart ForTwospainspy shotsStellantissubarusupercarssuvsuzukitaxitechnologyteslaTesla Model 3Tokyo Motor ShowtoyotaToyota Hiluxtoyota supraToyota YarisTroféu BetatrucktuninguberukUnited StatesUSAused car buying guideValençaValongovendasVendas de carrosViana do CasteloVieira do MinhoVila Nova de FamalicãoVila Nova de GaiaVila RealVila VerdeViseuvolkswagenVolkswagen GolfvolvoVolvo XC40vwVW CaddyVW golfVW PoloVW T-RocYamaha