Dakar presta homenagem a Paulo Gonçalves

14 Janeiro 2020 - turbo

Dakar presta homenagem a Paulo Gonçalves

A organização do Dakar apresentou um vídeo de homenagem a Paulo Gonçalves, que faleceu no passado dia 12, quando decorria a sétima etapa.

 

Ontem o Dakar voltou a mostrar o seu lado mais cruel. Paulo Gonçalves, piloto português de 40 anos sofreu um acidente no decorrer da sétima etapa, e que se viria a revelar-se fatal. 

Ajuda terá demorado 8 minutos

De acordo com a organização da prova, o alerta terá sido dado às 10:08 (hora local), tendo sido enviado um helicóptero que chegou ao local cerca de oito minutos depois. Apesar das tentativas de reanimação, Paulo Gonçalves viria mesmo a acabar por falecer, deixando todos em choque. A 8ª etapa da prova ficou por isso suspensa a todos os motociclistas, que prestaram o seu voto de pesar pela lenda e amigo.

Este vídeo realizado pela organização da prova, presta homenagem ao homem e piloto que foi Paulo Gonçalves.

A aventura do Dakar começou em Lisboa

Foi em 2006 que Paulo Gonçalves se lançou na aventura do Dakar, naquela que foi a primeira edição a ligar Lisboa a capital senegalesa, que empresta o seu nome à prova. Em 2015 viria mesmo a alcançar o 2º lugar da geral, consolidando o seu estatuto de lenda deste rallye. Ao momento da queda fatal, Paulo Gonçalves seguia no 46º posto. A sua equipa viria a abandonar a prova, nas horas seguintes.

Português Paulo Gonçalves morreu em acidente no Dakar

Morreu este domingo Paulo Gonçalves na sequência de acidente na 7ª etapa do Rali Dakar 2020 – o piloto português de 40 anos não resistiu aos ferimentos resultantes de uma queda.

A organização da prova comunicou a morte de Paulo Gonçalves através do site oficial da prova, depois de ter recebido o alerta às 10.08 horas locais, motivando o envio imediato de um helicóptero para a assistência médica, que chegou oito minutos mais tarde.

O piloto português terá sido encontrado inconsciente, em paragem cardíaca. Depois das manobras de reanimação por parte dos médicos no local, Paulo Gonçalves foi transportado para o hospital de Layla, na Arábia Saudita, onde foi declarado o óbito.

Esta era a 13.ª participação do piloto português naquela prova de todo o terreno, onde se estreou em 2006. Paulo Gonçalves era mesmo um dos mais experientes pilotos do pelotão, sendo também um dos mais respeitados pela sua competitividade e desportivismo.

Notícias Por Etiquetas

Venda o Seu Carro